Guia Feambra

Informativo Feambra - Novembro/2008

Feambra posiciona o Brasil no mapa internacional das artes
       
Por que a Associação de Amigos é fundamental para o museu?

Os Amigos de Museus funcionam como embaixadores da instituição. Entre seus objetivos estão os de apoiar o useu e contribuir para seu desenvolvimento e prestígio junto ao público.

Assim como cada museu é diferente, também são seus Amigos. Isso significa que há diversas maneiras de apoiar o museu. Há Amigos que dão suporte moral, financeiro, outros contribuem com seu tempo, trabalho ou expertise, sempre de forma voluntária. De acordo com a Federação Mundial de Amigos de Museus (World Federation of Friends of Museums – WFFM), com seu conhecimento da comunidade os Amigos podem promover o encontro de pessoas, idéias e dinheiro para a realização dos objetivos da instituição, influenciar a imprensa local, chamar a atenção do governo, assumir novos desafios, organizar e participar de eventos sociais, levantar recursos diretamente ou ajudar o museu com seus programas para essa finalidade, editar livros e outras publicações periódicas, entre muitas outras possibilidades.

No mais recente congresso da WFFM, realizado em setembro, em Jerusalém (Israel), palestrantes do mundo inteiro afirmaram que os Amigos são fundamentais para a própria sobrevivência do museu. Os contatos, parcerias, eventos realizados por essas pessoas contribuem para que a entidade consiga ter estabilidade e atinja seus fins institucionais.

Um dos cases apresentados no congresso foi o da Art Gallery de Calgary, no Canadá. A conclusão de uma grande modernização só foi possível porque a Associação de Amigos mobilizou dezenas de empresários locais. Seu envolvimento ajudou a revitalizar os prédios da galeria, os programas de exposições e os programas educacionais. “Quando o museu precisa de qualquer coisa, os Amigos sempre dão um passo à frente para contribuir com seu tempo, conhecimento, produtos ou experiência”, afirmou a presidente e CEO da galeria, Valerie Cooper.

O exemplo ilustra perfeitamente o que é unanimidade entre dirigentes de entidades culturais ao redor do mundo: o fato de que a Associação de Amigos é fundamental para a própria existência delas. Pouco tempo antes da modernização, em 2004, a Art Gallery havia sido fechada ao público por questões de segurança, por problemas em suas instalações.    
   
O termo “Amigos de Museus” designa voluntários, doadores, membros da diretoria, pesquisadores, curadores, entre outros. Para a WFFM, o trabalho sério e as idéias dos Amigos nos últimos anos contribuíram para mudar os museus e para aproximá-los do público e vice-versa.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Museu de Pernambuco

O Museu foi fundado em . A Associação de Amigos foi criada em , por e tem associados. O objetivo da Associação de Amigos é . São pessoas...Entre os próximos projetos estão..Os Amigos ganham...Para ser associado,...

O museu é de arte ----, tem as seguintes seções, exposições permanentes e temporárias. 

Para conhecer o Museu de Pernambuco, é só entrar no site www.Ou entrar em contato pelo telefone (81) ou pelo e-mail.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Conheça o Museu do Futebol, uma conquista brasileira

Quem vive ou passa pela cidade de São Paulo tem um novo programa imperdível: visitar o Museu do Futebol. Idealizado sobre três pilares, a emoção, a história e a diversão, o museu é moderno e interativo. Conta a história do futebol permeada pela história brasileira. Um dos exemplos de como isso é feito é a Sala dos Heróis, onde estão reunidas 24 personalidades de destaque. Ao lado de nomes como Carlos Drummond de Andrade, Villa-Lobos e Cândido Portinari, dois jogadores de futebol, Leônidas da Silva e Domingos da Guia, que contribuíram para formar a identidade brasileira nas décadas de 1930 e 1940.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------     
   
Destaques

No 60º aniversário, MAM presenteia SP
com entrada franca
O Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM-SP) comemora seus 60 anos com duas exposições com entrada franca. Uma é “MAM 60”, que traz ao público mais de 500 obras e 200 documentos para contar a história do museu desde 1948 e a formação da identidade moderna no Brasil. A curadoria é de Annateresa Fabris e Luiz Camillo Osório, do conselho consultivo do museu. A mostra tem patrocínio de Banco Safra, Credit Suisse, Grupo Pão de Açúcar e Redecard, e apoio cultural de Banco Espírito Santo, Itaú, Pirelli e Unigel.
A outra exposição comemorativa traz cerca de 65 esculturas e 40 fotografias de Frans Krajcberg. O brasileiro é o artista convidado para a celebração dos 60 anos do museu. Na mostra “Frans Krajcberg: Natura”, ele retoma as idéias do Manifesto do Rio Negro, firmado em 1978 em parceria com Pierre Restany e Sepp Baendereck, de uma nova consciência ambiental e existencial, que denominaram de naturalismo.
Serviço:
Local: Oca – Parque Ibirapuera, portão 3 – Sala Itinerante/ Especial
Quando: Até 14 de dezembro
Informações: (11) 5083-0519
Entrada franca

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
   
Pinacoteca traz retrospectiva de Maria Bonomi

Está em cartaz na Pinacoteca do Estado de São Paulo a exposição “Maria Bonomi – Gravura Peregrina”. A retrospectiva do trabalho de uma das mais consagradas artistas brasileiras traz cerca de 150 obras produzidas desde os anos 1950. Quatro vídeos produzidos por Walter Silveira retratam seu processo criativo e a relação entre suas obras e os espaços públicos.

Serviço

Local: Praça da Luz, 2 – Centro – São Paulo - SP
Quando: Até 7 de dezembro (terça-feira a domingo, das 10h às 18h)   
Informações: (11) 3324-1000
Entrada a R$ 4 (grátis aos sábados