Em Foco

30- Setetembro - 2010

Tudo vale a pena quando a alma...

Poesias e projeções visuais apresentam uma face nunca vista antes do autor português e de suas obras


Um poeta plural, abrangente e multifacetado. Essas são apenas algumas características que se enquadram no perfil de Fernando Pessoa. O renomado artista português recebe, até 30 de janeiro, uma merecida homenagem em forma de exposição pelo Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo.

O ambiente do museu foi inteiramente trabalhado pelo cenógrafo Hélio Eichbauer de forma a representar a época dos descobrimentos e das grandes conquistas de Portugal. Durante o percurso pela mostra, o visitante conhecerá os diversos heterônimos de Fernando Pessoa, como o poeta da natureza, Alberto Caeiro, o médico e discípulo do anterior, Ricardo Reis, o engenheiro de educação inglesa, Álvaro de Campo, entre outros não tão famosos.

A exposição contrasta relíquias do poeta, como a primeira edição do livro “Mensagens”, com diversas inovações tecnológicas que representam muito bem a história, o enredo e as reflexões sobre suas obras. Dentre as novidades, no primeiro ambiente da sala de exposições o visitante encontra seis cabines onde são projetadas imagens com trechos dos poemas de todos os seus heterônimos. Outra inovação fica por conta do Labirinto Poético, onde imagens de Pessoa e de suas poesias são projetadas ao longo do caminho que tem como término uma sala de documentação contendo ampliados manuscritos do autor.

'Fernando Pessoa, Plural Como o Universo', como foi chamada a mostra multimídia, não é apenas uma representação das obras do poeta português, mas sim uma mistura artística de produção visual, pintura e poesia. Uma representação legítima e inovadora jamais vista antes.

Local: Museu da Língua Portuguesa
Endereço: Praça da Luz, s/nº, São Paulo – SP
Data: até 30 de janeiro de 2010
Horário: 3ª a domingo, das 10 às 17 horas. Na última terça-feira de cada mês o museu permanece aberto até às 22 horas.
Telefone: (11) 3326 0775
Site: www.museudalinguaportuguesa.org.br
Entrada: R$ 6 e meia entrada para estudantes. Crianças com até 10 anos de idade, idosos a partir de 60 anos e professores da rede pública estão isentos do pagamento.