Notícia

06- Julho - 2011

Turismo cultural: bandeira da Feambra é discutida também no 3º Encontro Paulista de Museus

Levantamento realizado entre maio e dezembro de 2010 revela que 48% dos museus do Estado de São Paulo são museus históricos e/ou pedagógicos e mais da metade não tem serviço educativo ou espaço para exposições temporárias. Estes são alguns dos dados de levantamento divulgado pela Diretora do Grupo Técnico do Sistema Estadual de Museus - GTSISEM - SP, Renata Motta, durante o 9º Encontro Paulista de Museus, realizado de 6 a 8 de junho, em São Paulo.

Outro destaque do 3º Encontro foi o tema do turismo cultural, uma das bandeiras da Feambra, que atua para incentivar o visitante de lazer e de negócios a conhecer também nossas riquezas culturais, além das belezas naturais. Para o presidente do SPTuris, Caio Luiz de Carvalho, o turismo é atividade estratégica e o patrimônio cultural deve ser visto como incentivo ao turismo. O presidente relatou a experiência da campanha 'Fique Mais um Dia' e dos resultados que hoje se verificam em São Paulo, com o aumento do gasto per capita e do tempo de permanência. 

Inhotim - Exemplo de turismo cultural no Brasil

'A praia de São Paulo é a cultura. Sol e praia têm em qualquer lugar do mundo. Hoje, as pessoas querem experiências únicas, querem ser personagens, e nada melhor do que cultura para isso', afirmou. Para Carvalho, o caminho passa por proporcionar estas transformações, oferecer vivências para que o visitante tenha este tipo de experiência única. Como exemplo, relatou o que a UNESCO fez na cidade de Pompéia, que faz com que o visitante se sinta com se estivesse lá na antiguidade. O uso da tecnologia pode ser um grande aliado para envolver o visitante - o próprio celular pode trazer um 'audioguide', um guia para acompanhar a visita. 'Temos de criar grandes histórias para os nossos destinos, criar atrativos', afirmou.

Confira alguns dados da pesquisa feita com 415 instituições, localizadas em 190 municípios do Estado:

  • Perfil do acervo:
40% - museus históricos
8% - museus históricos e pedagógicos
15% - museus de tecnologia e ciências
12% - museus de arte
  • Administração:
Pública direta - 265 museus
Pública indireta - 35
Privada - 115
  • Número de funcionários:
Quase 75% têm até 10 funcionários (64% têm até 5)
1% tem mais do que 50 funcionários
2% têm voluntários
  • Conselho de Orientação:
Não possuem - 294 (mais de 2/3)
Possuem - 82
Não informado - 34
  • Website:
Não possuem - 323
Possuem - 92
  • Acessibilidade:
Sim - 189
Não - 188
Não informado - 38
    
O mapeamento, feito entre maio e dezembro de 2010, deverá ser disponibilizado para consulta até o fim do ano. Segundo Renata Motta, a idéia agora é ratificar com os museus todos os dados colhidos e, com sua autorização, fazer disso uma publicação e um cadastro on-line, com atualização permanente.