Notícia

15- Maio - 2013

Museu Eugênio Teixeira Leal incentiva a Educação Patrimonial

Eliene Bina

   
Ao longo de sua história, o Museu Eugênio Teixeira Leal (METL), mais conhecido como Memorial do Banco Econômico, propôs alternativas para a troca e construção do conhecimento. No dia 26 de julho, a entidade promoverá o 'I Curso sobre Educação Patrimonial', que contará com atividades e palestras destinadas aos profissionais e interessados na área da Educação. Confira abaixo a entrevista com Eliene Bina, Diretora Executiva do METL, sobre a realização do curso.
    
Feambra: O que é o 'I Curso sobre Educação Patrimonial'? Quais são seus objetivos? E qual será a sua duração?
   
Eliene Bina: Parte integrante do projeto 'Educação Patrimonial: o bem cultural como ferramenta para educação e cidadania', o 'I Curso sobre Educação Patrimonial' será uma ferramenta para capacitar profissionais da área da educação, a fim de que eles possam melhorar o aproveitamento e usufruto da herança cultural, utilizando o patrimônio como recurso didático. O curso terá duração de oito horas e os objetivos específicos são: incentivar educadores e educandos a contribuir com o processo de geração de novos conhecimentos para apropriação e valorização do legado cultural; promover a reflexão sobre a importância da educação patrimonial para a preservação da memória coletiva; divulgar as atividades educativas desenvolvidas nos museus de Salvador; promover a troca de experiências entre os profissionais da educação e colaboradores de museus; levar ao conhecimento dos educadores os principais setores do Museu Eugênio Teixeira Leal e suas respectivas contribuições; propiciar a compreensão da exposição como suporte para a comunicação e mediação cultural entre o museu, as escolas e a comunidade; conhecer a importância da documentação do acervo museológico para preservação e produção de conhecimento; promover a conscientização sobre a necessidade do planejamento e organização de uma visita ao museu; e incentivar a compreensão do museu como espaço de convivência. 

F.: Para quais públicos o curso se destina? E quais conteúdos serão abordados?

E.B.: O curso é direcionado a professores, coordenadores e supervisores de escolas públicas e particulares, bem como educadores de museus, centros culturais, ONGs e demais instituições que lidam com educação formal e não formal. As palestras e debates serão norteados pelas seguintes temáticas: 'Identidade Cultural - conceitos e práticas sobre o Patrimônio Material e Imaterial', 'Expondo o Passado no Presente - exposição, comunicação e mediação cultural', 'Educação Formal e Não Formal e suas relações: o que é Ação Cultural e Educativa nos museus?', 'Biblioteca Inocêncio Calmon - experiências socioeducativas: projeto Inclusão Digital e Varal Cultural'.

F.: Além do 'I Curso sobre Educação Patrimonial', vocês planejam outras atividades ou ações para integrar o projeto?

E.B.: Sim, duas outras atividades serão bastante relevantes nesse encontro: uma visita técnica pelos espaços expositivos do museu e um momento de compartilhamento das experiências desenvolvidas pelos educadores com o patrimônio cultural. Além disso, todo o curso será traduzido em Libras.

F.: Em sua opinião, qual é a importância de conhecer o tema para o profissional que trabalha na área museológica?

E.B.: Desde meados do século passado, intensificou-se a interlocução entre museus e escolas. Nesse período, podemos perceber que essa intermediação vinha ocorrendo de forma diferenciada entre as instituições, conforme disponibilidade financeira, recursos humanos e a própria missão em que o museu pauta suas ações. Portanto, conhecer as potencialidades do espaço museal e a abrangência das ações educativas não formais são significativas para alcançar os resultados positivos na mediação cultural e interação entre museus e escolas.

O curso será ministrado no dia 26 de julho, com previsão de início às 8 horas e término às 17h30. A inscrição é gratuita e os interessados deverão entrar em contato diretamente com o museu para receber a ficha de cadastro. Telefone: (71) 3321-8023 ou (71) 3321-8308. E-mail: museueugenioeducativo@gmail.com.