Notícia

28- Agosto - 2015

A WFFM e a sua percepção sobre as Associações de Amigos de Museus

 

A Feambra teve o privilégio de conversar com Ekkehard Nümann, recém-eleito presidente da Federação Mundial de Amigos de Museus (World Federation of Friends of Museums - WFFM), organização não-governamental, sem fins lucrativos, que reúne e apoia os Amigos de Museus no mundo todo. Confira:
 
Feambra: Quais são os principais objetivos e propostas para a WFFM no seu mandato?
 
Ekkehard Nümann: O objetivo da WFFM é promover a ideia de Associações de Amigos de Museus independentes. Neste sentido, devemos promover a diversidade de nossos inúmeros membros em todo o mundo. Queremos encontrar novos meios para comunicar as ideias da WFFM, focando em nosso website, boletins e redes sociais. 
 
F.: Como a Feambra e seus mais de 150 associados estão inseridos em seu projeto como presidente da WFFM?
 
E.N.: A Feambra e todas as associações nacionais ou membros ativos terão papel crucial neste projeto. Nós precisaremos de sua rede de relacionamentos com Associações de Amigos para nos suprir com informações sobre suas atividades. Acredito que estamos todos envolvidos em tantas coisas fascinantes que merecem ser mostradas ao público.
 
F.: Gostaríamos de saber sua opinião e planos a respeito das Associações de Jovens Amigos.
 
E.N.: Dizer que os Jovens Amigos representam o futuro é redundante. Acredito que os mais experientes possam ajudá-los na formação no âmbito da Associação de Amigos do Hall das Artes de Hamburgo (Alemanha). A Federação de Amigos de Museus da Alemanha se tornou uma referência para as Associações de Jovens Amigos em todo o país. Publicamos três manuais sobre Clubes Juniores de Amigos de Museus desde novembro de 2010, com o objetivo de possibilitar uma percepção da ideia geral dos Jovens Amigos de Museus e informar sobre quem está participando de nosso networking. Esperamos assim nos tornar modelo para essas associações em todo o mundo.
 
F.: Qual é a sua percepção do envolvimento de voluntários nas Associações de Amigos de Museus?
 
E.N.: Os voluntários constituem a espinha dorsal de muitas Associações de Amigos em todo o mundo. É o empenho deles que conduz a própria ideia de museus como instituições voltadas ao público. Gostaria de aproveitar esta oportunidade para agradecer àqueles que se voluntariam em museus no Brasil e em todos outros lugares, pelo esforço que realizam todos os dias.
 
F.: Seria possível apresentar para nós da Feambra Associações de Amigos que estimulam museus brasileiros a criar e administrar suas próprias associações
 
E.N.: Sim. Esta é a ideia da WFFM: promover o intercâmbio de informações entre Associações de Amigos – o que significa também aprender como criá-las e administrá-las. Talvez seja a oportunidade para preparar um manual próprio da WFFM sobre como fazer e administrar uma nova Associação de Amigos de Museus.
 
Para acessar o Guia para Criação e Gestão de Associações de Amigos de Museus, elaborado pela Feambra, clique aqui e faça o download gratuitamente.