Notícia

05- Julho - 2017

Curiosidades, benefícios e cuidados frutos do trabalho voluntário em museus

 

A Feambra colocou o seu Banco de Voluntários online à disposição de museus, entidades culturais e interessados em prestar serviço voluntário nas instituições de cultura do Estado de São Paulo.

 

“Após seis meses no ar com a ferramenta que divulga as oportunidades de voluntariado e recruta pessoas interessadas nesse tipo de ação, achamos necessário informar benefícios, vantagens e cuidados ao montar um programa de voluntários nos museus”, afirma Nelson Colás, Diretor de Relações Institucionais da Feambra. 

 

Benefícios e vantagens do voluntariado para os museus:

·       Estreitar a relação com a comunidade - motivação maior em contribuir ativamente para a preservação de seu patrimônio;

·       Aumentar a autoestima dos moradores que estão perto dos museus;

·       Fortalecer a imagem do museu para o público em geral;

·       Aumentar a visitação aos museus;

·       Ensinar ao voluntário atividades do museu, como atendimento ao público, biblioteca, educativo, e receber em troca horas doadas por uma pessoa que atenda às suas necessidades com muita vontade de contribuir;

·       Suprir carências em museus com dificuldades.

 

Cuidados que o museu deve ter com o voluntariado:

·        Analisar cuidadosamente carências e necessidades antes de elaborar um programa de voluntários;

·        Ter em mente que o voluntário não vai tirar emprego de especialistas em suas áreas de atuação, como financeiro, restaurador, curador, entre outras;

·        Verificar a legislação vigente (federal, estatual ou municipal);

·        Saber sobre a Lei do voluntariado. O Centro de Voluntariado de São Paulo (CVSP) pode ser fonte de referência;

·        Analisar o estatuto e o contrato social do museu sobre áreas de atuação, impedimentos e vocação do museu;

·        Ter sempre suporte de advogados especializados sobre associações, voluntários e legislação vigente.

 

O que é o trabalho voluntário?

É uma atividade não remunerada prestada por pessoa física a entidade pública de qualquer natureza, ou a instituição privada de fins não lucrativos, que tenha objetivos cívicos, culturais, educacionais, científicos, recreativos ou de assistência social, inclusive mutualidade.

 

O que leva uma pessoa a realizar trabalho voluntário?

Ampliação de horizontes culturais. É uma vontade de se sensibilizar e entrar em contato com as necessidades sociais, de forma dinâmica, valorizando uma instituição, doando tempo e esforço como resposta a uma inquietação interior, permitindo que a coletividade se beneficie das habilidades das pessoas em diversas áreas.

 

Quais são as áreas de atuação de trabalho voluntário dentro de museus e instituições?

Isso depende das necessidades de cada instituição, mas o voluntário pode atuar, por exemplo, nos setores administrativo, de acessibilidade, no Educativo, na Biblioteca, em Apoio à curadoria, Pesquisa de opinião, Recepção ao público e Eventos.

 

Quais benefícios as pessoas que escolhem esse tipo de trabalho podem ter?

Além de aprendizado sobre os museus e instituições, interação social, desenvolvimento de suas habilidades, melhoria da saúde mental e física, criação de novas amizades. É uma atividade que proporciona prazer, melhora a autoestima e mantém a pessoa ativa.

 

Os museus possuem alguma forma de reconhecimento para os voluntários?

Sim, reconhecer os voluntários é fundamental para que eles se sintam parte da instituição. Por isso, dar um feedback do trabalho que que está sendo realizado é muito importante. Além disso, os voluntários podem passar por avaliações de desempenho e receber descontos para si próprios e suas famílias nos museus e seus associados/parceiros, convites para participar de cursos e treinamentos e visitas com os curadores antes da abertura. Porém, oferecer esse tipo de benefícios para voluntários é uma opção da instituição.

 

Como os interessados podem encontrar vagas de trabalho voluntário na área cultural?

Aqui no site da Feambra já está disponível o nosso banco de voluntários. O candidato pode entrar em http://feambra.it.art.br/ para buscar vagas e as instituições cadastram as suas oportunidades, sendo possível, assim, a interface. O Centro de Voluntariado de São Paulo também é um bom lugar para quem está buscando vagas para se voluntariar. Eles divulgam as vagas disponíveis em suas redes sociais periodicamente.

 

A partir de qual idade as pessoas podem se candidatar a vagas de trabalho voluntário em museus?

18 anos.

 

Como educar o público para realizar trabalho voluntário?

A instituição que oferecer a oportunidade de trabalho voluntário deve mostrar algum diferencial que possua representatividade na vida da pessoa e provoque identificação na sua formação, deixando clara a contribuição com a sociedade, além de estimular a participação cidadã no desenvolvimento de atividades sociais, aliando forças entre a sociedade civil e o Poder Público.

 

Clique aqui http://feambra.it.art.br/ para conhecer o nosso banco de voluntários.

 

Para saber mais, entre em contato conosco, pelos e-mails feambra@feambra.org,   ncolas@feambra.org (Nelson) e fsantiago@feambra.org (Fernanda) ou pelo telefone 11 3085-4402.