Em Foco

28- Fevereiro - 2018

Mulheres são destaque no Brasil e nos EUA

 

 

Brasileira é destaque no MoMA

Nossa artista Tarsila do Amaral é destaque no MoMA (The Museum of Modern Art), em Nova York, nos EUA, neste mês dedicado às mulheres. Com a exposição “Inventing Modern Art In Brazil”, os visitantes poderão conhecer diversas obras da artista espalhadas pelas instalações do museu. 

Tarsila do Amaral (1886-1973) foi uma pintora e desenhista nacional. Embora não tenha participado da Semana de Arte Moderna, ela acompanhou todo o movimento de Paris e integrou-se ao modernismo, juntando-se ao Grupo dos Cinco, composto por Anita Malfatti, Menotti Del Picchia, Mário de Andrade e Oswald de Andrade.

Fica em cartaz até o dia 3 de junho, com ingressos de US$ 14 a US$ 25. Mais informações no site do museu www.moma.org


Esportes com a força feminina

Para quem gosta de esportes, o Museu do Futebol irá promover um bate-papo denominado de “Dribladoras”, com as ex-jogadoras Paula (basquete), Fofão (vôlei) e Aline Pellegrino (futebol). Será no dia 7 de março, às 19h30, no auditório do museu, com entrada gratuita. www.museudofutebol.org.br .

 

MAM com mulheres na arte

No Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM) o destaque fica por conta do “Projeto Parede/Corpo Parede”, da artista Ana Mazzei. Uma exposição onde é colocado o corpo humano em contato direto com a parede do museu valendo-se da presença de estruturas de madeira organizadas seguindo um desenho predefinido. Os visitantes podem se apoiar nessas estruturas e experimentar as sensações. 

Ainda no MAM, a exposição “Sinais”, que reúne diversas obras da artista Mira Schendel (1919-1988).

As duas exposições no MAM ficarão disponíveis até dia 22 de abril, com entrada no valor de R$ 7 e gratuita aos sábados. Informações no site www.mam.org.br

 

MIS homenageia a mulher

Em celebração ao Dia Internacional da Mulher, o Museu da Imagem e do Som promove uma mostra de filmes da famosa atriz norte-americana Viola Davis, que sempre inspirou as mulheres com seu ativismo, apoiando as causas de empoderamento feminino e luta contra o racismo. O evento será entre os dias 6 e 8 de março, e a programação completa pode ser acessada no site do MIS

A exposição “Nova Fotografia 2018 – Amazônia lado b”, da fotógrafa Fernanda Frazão, leva ao público imagens dos últimos anos de viagens dela, em que experimentou o turismo em suas múltiplas dimensões. Fica disponível até 15 de abril e tem entrada gratuita. Para mais informações clique aqui

 

Mais exposições de mulheres na arte

Desde 2014, o Instituto Tomie Othake disponibiliza a exposição permanente e gratuita “Casa Aberta” com obras da artista que lhe empresta seu nome. Hoje tombada como patrimônio pelo Conpresp – órgão municipal de preservação do patrimônio histórico, cultural e ambiental –, a casa no Campo Belo, na zona sul de São Paulo, foi habitada por Tomie Ohtake desde 1970, quando se concluiu a primeira fase da construção, até a morte da artista, em 2015. Para mais informações clique aqui.

 

Finalizando, a Pinacoteca Universitária da Universidade Federal de Alagoas promove a exposição “Reencontro – Por Trás do Véu”, da artista Patrícia Melro, até o dia 13 de abril, com entrada gratuita. Para mais informações clique aqui.